Árvores mortas em Lisboa no “Portugal em Direto” (RTP)

A RTP transmitiu no programa “Portugal em Direto”, uma reportagem sobre a morte de árvores na cidade de Lisboa, com ênfase no estado do arvoredo da Alameda dos Oceanos e restantes espaços da freguesia do Parque das Nações. A reportagem contou com os depoimentos de Emanuel Sousa, conhecido defensor do património arbóreo da capital, Cristina Castel-Branco, Ler mais sobreÁrvores mortas em Lisboa no “Portugal em Direto” (RTP)[…]

As árvores morrem de pé

Um dos fatores mais importantes para a estratégia de recuperação ambiental da Zona de Intervenção da Expo’98 foi a elaboração do Plano de Arborização que se traduziu na plantação de mais de 10.000 árvores em toda a área. Um dos seus maiores méritos foi ter permitido salvar cerca de 500 árvores adultas que pela sua Ler mais sobreAs árvores morrem de pé[…]

Degradação dos espaços verdes no Parque Tejo

O estado de degradação do Parque Tejo tem vindo a agravar-se, ano após ano, à custa de uma manutenção insuficiente, pouco rigorosa e de um desinvestimento numa das zonas verdes de referência da cidade de Lisboa. Os outrora relvados verdejantes, não passam hoje de campos cheios de ervas daninhas e espécies invasoras. E se durante Ler mais sobreDegradação dos espaços verdes no Parque Tejo[…]

Grande Reportagem Antena 1 – “Cidade Imaginada”

Há quase 20 anos Lisboa ganhou uma nova cidade a oriente, mas ainda há desafios por ultrapassar no lugar que acolheu a exposição mundial de 1998. Falta, por exemplo, um centro de saúde para dar resposta aos cerca de 21 mil residentes do Parque das Nações. Para além disso, esta zona cosmopolita ainda está divorciada Ler mais sobreGrande Reportagem Antena 1 – “Cidade Imaginada”[…]

Intervenção na Sessão Ordinária da Assembleia de Freguesia de 24 de abril

Transcreve-se de seguida a intervenção da ACIPN na Sessão Ordinária da Assembleia de Freguesia realizada no dia 24 de abril: Permitam-me começar por apresentar a ACIPN a este Executivo, dado que ainda não tivemos oportunidade de o fazer e na nossa única interação até ao momento não obtivemos qualquer resposta o que, aliás, vem em Ler mais sobreIntervenção na Sessão Ordinária da Assembleia de Freguesia de 24 de abril[…]

Mais de metade dos novos carvalhos já morreu

Em setembro passado alertámos aqui para o estado em que se encontravam os recém plantados carvalhos da Alameda dos Oceanos. Apesar de tudo, ainda acalentávamos a esperança de que a Primavera pudesse revitalizar aqueles exemplares que na altura já pareciam irremediavelmente condenados. Infelizmente, a Primavera acaba de revelar, sim, o cenário que todos temíamos. Uma Ler mais sobreMais de metade dos novos carvalhos já morreu[…]

O metrosidero de Braço de Prata

Na cerca da extinta fábrica de Braço de Prata, existia um exemplar de “Metrosideros excelsa”, conhecido pelos nomes comuns de metrosidero ou árvore-de-fogo. Esta espécie é extensamente usada como árvore ornamental, adaptando-se muito bem no nosso país nas áreas próximas do mar. Condenado que estava num local onde se previa a passagem do prolongamento da Ler mais sobreO metrosidero de Braço de Prata[…]

Um ano depois da reunião com a CML

Há um ano, a Direção da ACIPN reuniu nos Paços do Concelho com o assessor do Vice-Presidente da CML, num encontro que serviu para debater com a autarquia algumas das nossas preocupações à data. Constatamos com desilusão que muitas das questões então abordadas pouco ou nada evoluíram. Desde logo, a abertura demonstrada pela CML para Ler mais sobreUm ano depois da reunião com a CML[…]

Abate e substituição de árvores

Coincidência ou não, três meses depois de termos divulgado a existência de vários carvalhos (quercus palustris) mortos ao longo da plataforma central da Alameda dos Oceanos, entre o Pavilhão do Conhecimento e o Pavilhão de Portugal, alguns nesse estado há mais de 2 anos, os serviços camarários já começaram a assinalá-los para abate e substituição. Ler mais sobreAbate e substituição de árvores[…]

Facebook