Vulcões extintos… ou apenas “sem a força do princípio”

Na reunião da Assembleia Municipal de Lisboa realizada no passado dia 8, o vereador José Sá Fernandes afirmou que os vulcões da Alameda dos Oceanos “estão a funcionar… não com aquela força do princípio”. Em todo o caso, prometeu devolver-lhes a “força” no próximo mês de janeiro, assim que termine o processo de aquisição de novas bombas.

20160515_120844

A ACIPN gostaria de esclarecer o vereador Sá Fernandes que não há um único vulcão a funcionar desde fevereiro de 2015 na medida em que “funcionar” significa fazerem aquilo por que ficaram conhecidos durante 15 anos para deleite de miúdos e graúdos. Referimo-nos, obviamente, às erupções de água. O próprio mecanismo de geração de ondas deixou de funcionar há alguns meses e até há poucos dias nem iluminação existia na base dos vulcões.

20161106_114328

Na nossa reunião com a CML no mês passado, foi-nos garantido que os vulcões estariam operacionais até ao fim do ano. Pelos vistos já não vão estar. Sabemos que há um grande desconhecimento relativamente aos equipamentos, mesmo por parte das equipas que fazem a sua manutenção e que se queixam do facto da curta duração dos contratos (um ano) não permitir dar uma continuidade sólida ao seu trabalho. Assim que adquirem o conhecimento técnico necessário, têm de dar lugar ao novo prestador.

Segundo informação a que a ACIPN teve acesso, o novo contrato de aquisição de serviços de manutenção dos elementos de água do Parque das Nações terá sido adjudicado à empresa Cisec (ex-Tecnospie), precisamente a que assegurou o normal funcionamento dos vulcões até ao início do ano passado. A confirmar-se esta notícia, esperemos que os vulcões voltem a funcionar…”com aquela força do princípio”.

Facebook